segunda-feira, 24 de junho de 2013

DIA DE SÃO JOÃO




O Dia de São João é comemorado em 24 de Junho pois é a data tradicionalmente atribuída ao seu nascimento. São João é considerado o santo mais próximo de Cristo, pois além de ser seu parente de sangue, Jesus foi batizado por João nas margens do Jordão.
São João é conhecido como "Santo festeiro”, e nesse dia são realizadas muitas festas e comemorações, cheias de danças. Alguns símbolos muito conhecidos nas celebrações são a fogueira, o mastro, os fogos, a capelinha, a palha e o manjericão e outros. 
Pedra di Sorte

sábado, 22 de junho de 2013

segunda-feira, 17 de junho de 2013

COMUNICADO DE DONA ELEGÂNCIA



Comunico aos meus amigos e simpatizantes do BLOG DONA ELEGÂNCIA, que o mesmo não está mais vinculado à Rádio Rox e por isso encontra-se temporariamente fora do ar,para ser reestruturado e que em breve estará de volta com muitas novidades e a costumeira ELEGÂNCIA ...
 Abraços ...      
 Rosângela Antiqueira !!!

quinta-feira, 13 de junho de 2013

SANTO ANTÔNIO



Santo Antônio é o Santo mais popular do Brasil e, também, é conhecido por ser o Padroeiro dos pobres, Santo casamenteiro, sempre sendo invocado para se achar objetos perdidos.
Fernando de Bulhões (verdadeiro nome de Santo Antônio), nasceu em Lisboa em 15 de agosto de 1195, numa família de posses. Aos 15 anos entrou para um convento agostiniano, primeiro em Lisboa e depois em Coimbra, onde provavelmente se ordenou. Em 1220 trocou o nome para Antônio e ingressou na Ordem Franciscana, na esperança de, a exemplo dos mártires, pregar aos sarracenos no Marrocos. Após um ano de catequese nesse país, teve de deixá-lo devido a uma enfermidade e seguiu para a Itália. Indicado professor de teologia pelo próprio são Francisco de Assis, lecionou nas universidades de Bolonha, Toulouse, Montpellier, Puy-en-Velay e Pádua, adquirindo grande renome como orador sacro no sul da França e na Itália. Ficaram célebres os sermões que proferiu em Forli, Provença, Languedoc e Paris. Em todos esses lugares suas prédicas encontravam forte eco popular, pois lhe eram atribuídos feitos prodigiosos, o que contribuía para o crescimento de sua fama de santidade.
No Brasil, muitas moças afoitas por encontrar um marido retiravam o bebé dos braços das estátuas do santo, prometendo devolvê-lo depois de alcançarem o seu pedido. Por esse motivo, alguns párocos mandavam fazer a estátua do santo com o Menino Jesus preso ao corpo do santo, evitando assim o seu sequestro. Outras jovens colocam a imagem de cabeça para baixo, dizem que só a mudariam de posição quando Santo António lhes arranjasse marido. Estes rituais eram geralmente feitos na madrugada do  dia 13 de Junho.

A FALTA QUE ELA ME FAZ


Hoje é Dia dos Namorados.
A nostalgia começou a tomar conta de mim.
Tento não pensar, mas é impossível esquecer um amor que se foi.
Poxa vida, que coincidência …
A nossa música começou a tocar numa rádio agora e lá vem a tristeza e a saudade me batendo com força.
Quem me dera sentir o seu corpo novamente em meus braços e ter alguém assim, só minha  , pra voltar a sentir a alegria do amor e a ternura do carinho.
Por um momento eu fechei meus olhos e revivi as lembranças daquele amor do passado
Seu rosto surgiu em minha mente como uma miragem no deserto
No mesmo instante meus lábios pronunciaram o seu nome e tive a impressão de ouvir sua voz também me chamar
Meu corpo estremeceu diante da lembrança dos seus beijos e de suas carícias
Das noites de amor que curtimos, do bate papo no café da manhã, dos passeios no shopping.
A gente parecia um casal de adolescentes caminhando de mãos dadas se beijando entre os carros no estacionamento.
Tudo era lindo, muito lindo, parecia não ter fim…
Sinto um toque suave e insistente acariciando minha face
Tenho um sobressalto e esfrego meus olhos …
São lágrimas que escorrem lentamente queimando meu rosto…
Esse pranto silencioso com sabor de água do mar me trouxe de volta à realidade
E a realidade é que eu estou curtindo a maior tristeza
Sentindo a falta que ela  me faz.
É Dia dos Namorados
Quem sabe ela também esteja sozinha assim como eu
Pode ser que ela não tenha ninguém e ainda lembre de mim
De que me adianta o orgulho se é ela quem me faz bem ?
Acho que vou procura-la e dar outra chance …
Dar outra chance sim, não a ela, mas a mim mesmo
Pois eu preciso dela para ser feliz !!!
“by Luiz Augusto SantAnna”