sexta-feira, 9 de setembro de 2011

OS PLANETAS E SUAS INFLUÊNCIAS EM NOSSAS VIDAS


Apesar de a Astrologia existir há mais de 5.000 anos, ainda assim, muitas crenças se constroem em torno dela e de seus símbolos. Muitos deles assombram os desavisados, que se deixam levar por interpretações equivocadas. Quando se trata dos planetas, por exemplo, você sabe como eles podem influenciar a sua vida? Vamos conhecer os mitos que cercam cada signo e os planetas regentes, e descobrir como eles podem nos ajudar ou nos atrapalhar ao longo de nossas vidas.
Marte rege áries - traz energia, impulsão
Conhecido como Ares, o Deus da Guerra, regente do signo de Áries, Marte possui, de fato, a ousadia que lhe é atribuída. Sabe aqueles momentos em que simplesmente nos atiramos na vida sem medo, em direção aos nossos objetivos ou quando nada parece ser capaz de nos deter? É Marte agindo sobre nós, como que dizendo: - “Vai lá, você pode!”.
Um Marte bem aspectado, nos proporciona a energia necessária para irmos atrás do que desejamos. A energia é sempre suficiente, assim como o entusiasmo nas realizações! Já um Marte fazendo aspectos tensos, sai para a briga sem nem saber por que está tão enraivecido. Estoura por qualquer coisinha e se transforma em puro instinto. É preciso ter consciência desta configuração e aprender a canalizar produtivamente esta energia, para que ela possa ser usada a seu favor.
Vênus rege touro e libra – traz romance, beleza
Vênus ou Afrodite, conhecida como a Deusa do Amor, representa bem as qualidades destes dois signos. Era uma deusa vaidosa e voluntariosa, que simboliza o lado do ser humano que anseia pela beleza, pela admiração e pelo amor. Representa a necessidade de nos aproximarmos de outra pessoa e de expressar as emoções. Protege o amor puro e ideal, assim como a atração sexual. Está sempre em busca do belo e do prazer.
Quando Vênus está em harmonia no nosso Mapa Natal, o afeto corre solto! Amamos o amor e nos entregamos à paixão sem defesas, confiantes de que tudo vai dar certo. Cercamo-nos de coisas belas e tudo o que é harmonioso nos dá muito prazer.
Porém, quando a tensão está no ar, em relação aos outros planetas, tudo muda de figura. Defendemo-nos das ameaças que imaginamos pairar sobre nós, recolhemos nossa capacidade de entrega e passamos a acreditar em coisas do tipo: - “Ah, o amor não é mesmo para mim, não nasci com esta sorte”... E quanto mais se fecha, mais difícil fica, como se a profecia tivesse mesmo a capacidade de se realizar.
Mercúrio rege gêmeos e virgem – traz o poder da comunicação
Mensageiro dos deuses, Mercúrio fazia a comunicação entre o céu e a terra. Leve e ágil, sempre foi associado à capacidade de comercializar, de ser hábil e rápido com as palavras. Interlocutor dos deuses? Poderíamos dizer que sim! Fofoqueiro, levando recadinhos entre deuses e homens para lá e para cá? Poderíamos dizer que sim!
Quando Mercúrio se apresenta com aspectos fluentes no Mapa Natal, nossa comunicação acontece sem esforços e nossa criatividade ganha vida. A percepção a respeito das coisas acontece de maneira rápida! Já quando Mercúrio está em tensão com os demais planetas, por mais que se expliquemos o que desejamos ou necessitamos, parece haver algo impedindo que a comunicação se estabeleça. Nosso esforço é em vão, tentamos encontrar a melhor palavra e nada. Isso sem falar dos mal entendidos! E haja verbo para explicar que não foi bem aquilo que se quis dizer...
Lua rege câncer – traz intuição, fertilidade
Associada à maternidade, à castidade e à fertilidade, no Egito é representada pela deusa Ísis, senhora da magia e da cura. Principio feminino, intuição, emoção, receptividade, flutuações de humor, fertilidade, ligação com o passado, com a família e especialmente com a mãe. A Lua em nosso mapa mostra aonde é que estamos mais sujeitos a altos e baixos emocionais, daí a expressão, de que tal pessoa é lunática ou vive no mundo da lua!
A Lua, em aspectos favoráveis, permite que a pessoa se sinta tão à vontade com suas emoções, que é como se o mundo emocional fosse um rio que corresse harmonicamente. Sua expressão flui e ela consegue dizer o que sente. Já com aspectos mais tensos, é como se estivesse sempre à espera de algo que a traduza, à espera de ser compreendida, mas sem conseguir colaborar para isso.
Na maioria das vezes, a sensação é de muita angústia e o máximo de expressão obtida são lágrimas de crocodilo ou então uma atitude de recolhimento. Isso sem falar dos altos e baixos de humor e a hipersensibilidade. Sabe quando dizem: - “Xi, fulano tá de Lua?” Pois é!
Sol rege leão – traz brilho, poder
Apolo sempre foi associado com a força, com a luz e com a pureza. Para os egípcios, o Sol era o deus Rá, e em qualquer religião, sempre foi considerado o deus mais importante. Para os gregos, era representado pelo Deus Hélios, que tinha a função de trazer luz e calor aos homens. O eu interior, o impulso do poder, a nossa energia e vitalidade, tudo isso é representado pelo Sol, indicando onde desejamos ser reconhecidos e onde queremos brilhar.
O Sol, em aspectos fluentes, faz com que a pessoa tenha segurança em si mesma, acreditando no seu potencial. Já em aspectos mais tensos, coloca suas opiniões à prova e deixa sua vida profissional ou social com menos desembaraço, tornando tudo bem mais difícil...
Plutão rege escorpião – traz renascimento, cortes
Hades, Deus do mundo subterrâneo e possuidor das suas chaves, era adorado como aquele que dá a riqueza. Plutão garante a existência de tesouros, oferece os recursos para a busca, mas cabe a cada um obtê-los através do próprio esforço.
Assim como o Escorpião, é temido por ser muitas vezes apontado como o senhor da morte. Mas a morte, dentro do simbolismo astrológico, é representada pela necessidade de transformação. Assim como a Phoenix, é preciso nos transformar em cinzas, para depois, então, renascermos renovados.
Seja através de aspectos tensos ou harmoniosos com outros planetas, Plutão deseja transformar. Quando nossas vivências estão aquém do nosso desenvolvimento, o golpe é mais duro, e profundos abalos passam a fazer parte das nossas experiências, cuja função é nos despertar para a possibilidade do novo, do renascimento. Quando estamos em harmonia com o restante da nossa mandala astrológica, as transformações acontecem de forma mais tranquila.
Júpiter rege Sagitário – traz sucesso, conquistas
Reza a lenda que Zeus seria possuidor de todos os lugares. Protegeria as colheitas de uvas, estaria relacionado com os juramentos e os cerimoniais. Por isso, Júpiter rege a mente superior, o otimismo, a fé, a ética e a moral, a filosofia de vida e a religiosidade e dá indícios de onde somos protegidos com nossa boa sorte.
Júpiter em harmonia é como um campo protetor no nosso Mapa. Se estiver se relacionando fluentemente com outros planetas, expande, não apenas as suas qualidades, como as qualidades do que toca. Tudo passa a ter um sentido maior, acompanhado de fé e altos ideais filosóficos. Já em tensão, a tendência ao exagero, ao exibicionismo e aos atos impulsivos toma conta do campo energético da pessoa, provocando grandes estragos.
Saturno rege capricórnio – traz seriedade, cobranças
Na mitologia grega, Saturno é conhecido por Cronos, Senhor do Tempo. Foi senhor do Universo por uma era, considerada a era do ouro e do amor. É representado pelo arquétipo do Eremita ou do Velho Sábio. Necessidade de segurança, responsabilidade, aprender a lidar com as limitações, restrições e obstáculos, tudo isso é Saturno.
Com sua “fala de mau”, assusta, até mesmo, quando está em bom posicionamento com outros pontos do Mapa. Mas, o que a maioria das pessoas não sabe, é que tudo o que ele quer é organizar, reestruturar, criar atitudes responsáveis, criar limites. E estes são atributos positivos quando se quer amadurecer e construir.
Já quando está em tensão, parece uma pedra no nosso caminho, que precisamos contornar a qualquer simples passo que planejamos. A frustração se faz presente e os que não sabem lidar com estes limites, podem até vivenciar momentos de intensa tristeza e depressão, até que se coloquem em movimento e compreendam o que é que está sendo pedido em termos do seu crescimento.
Urano rege aquário – traz inovação, mudanças
Urano é aquele raio inesperado que surge nos céus durante uma chuva. É o trovão que nos assusta. Ele nos conduz em direção à liberdade, em direção ao novo, exigindo flexibilidade para que as mudanças ocorram da melhor maneira possível. Urano é temido por ser conhecido como o planeta das rupturas, mas, na verdade, ele rompe com aquilo que precisa ser modificado.
Em harmonia, possibilita a flexibilidade necessária para que possamos agir de maneira singular, respeitando nossa maneira de ser e indo para a ação sem reflexões prévias. A flexibilidade, nesse caso, é fundamental para que possamos agir de improviso, tal como este planeta exige.
Já em tensão, nossa tendência é de resistirmos a tudo o que cheira a mudança e nos colocarmos em posição protetora em relação a nós mesmos e ao que valorizamos. A tensão, aumentando gradativamente, provoca rupturas assustadoras, e as finalizações que antecedem a mudança costumam chegar sem a sua permissão.
Netuno rege peixes – traz o desconhecido, a fantasia
Deus dos mares e dos oceanos, Netuno apresenta um caráter sombrio, tem como centro um tridente e o toque desse poderoso instrumento fazia tremer a terra e o mar. É o deus mais inquietante, complexo e rico em valores. Ele tinha a característica de não ser visível, porque se escondia nos abrigos e seu reino não tinha limites fixados. Conhecido como aquele que estimula nosso Impulso espiritual, nossa intuição, sonhos, ilusões, pressentimentos e criatividade artística.
Netuno traz uma nuvem cor de rosa ao nosso olhar. Inspira-nos, cria uma aura de mistério... Estando em harmonia, tem o dom de nos ajudar nas mais belas criações, sejam elas quais forem. Nossa sensibilidade fica mais refinada, percebemos nuances que, até então, não pareciam importar.
Já em tensão, nos leva a criar paraísos artificiais, para assim conseguirmos lidar com a realidade. Eles acabam por provocar vivências destrutivas, através do uso de drogas lícitas ou ilícitas, de mecanismos de fuga, cuja função é nos isolar da selva de pedra em que vivemos e encontrarmos um nicho aonde podemos sobreviver a ela.
 www.zastros.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário