quinta-feira, 16 de junho de 2011

POLÊMICA E JOIAS INOVADORAS NA SPFW



Ousado, irreverente, desafiador, assim foi o desfile de Samuel Cirnansck no SPFW Verão 2012.Nós fomos lá conferir as jóias claro, mas não há como comentar o frisson causado pelo styling de Samuel: mulheres amarradas, amordaçadas.Há quem julgue preconceituoso e machista.Samuel rebata afirmando que o que apresentou na passarela foi fetiche.Um "fetiche barroco", como afirma a apresentação do desfile que trouxe vestidos elaborados, criados para mulheres maduras e seguras de si.E com jóias reluzentes!





 O jovem estilista começou a desenvolver as joias dos próprios desfiles há três anos.De convencional apenas os brincos:com acabamento excelente, reluziam com a passada das modelos.Tradicionalmente sofisticada, a coleção do estilista desta vez parecia completamente dedicada a noivas - um dos pontos fortes de seu trabalho - e chegava ao clímax no encerramento com uma noiva toda amarrada, segurando um buquê de rosas vermelhas nas costas.

Um comentário:

  1. Nada contra as jóias, e muito menos quem as usam, mas ouvi uma história de Gandhi, que nunca mais me esqueci. Estava ele, passeando pelas ruas de Londres, quando parou em frente a uma loja de jóias raríssimase ficou admirando-as. O dono da loja, ao reconhcer aquela figura ilustre, correu até ele e pediu que entrasse na sua loja, e poderia escolher a jóia mais rara que gostasse, e seria presenteado imediatamente.
    Com toda simplicidade, Gandhi virou para o dono da loja,e com palavras mansas o disse: - Em meio a tanta raridade, e jóias tão maravilhosas e muito valiosas, você foi capaz de me reconhecer, já me deste o maior presente que um homem poderia receber. Obrigado!
    @santomiguel - Miguel Santos

    ResponderExcluir