terça-feira, 31 de maio de 2011

CONSUMOTERAPIA

 Atire a primeira pedra quem, nunca afogou as mágoas ou celebrou uma vitória se dando um presente, em geral, algo desnecessário, quase inútil.Comprar é o esporte predileto do planeta.O maior problema, é quando
 se busca aí a solução para angústias."Comprar não resolve questões da alma".Mas consumir acabou virando sinônimo de prazer.
 Diante das frustações a gente se recorre num vestido novo, apostando que ele possa aliviar nossas dores.Ao não encontrar aí a felicidade, vem um desapontamento maior.
 Vestidinho, notebook, viagens, varia o objeto, mas fontes de satisfação provisória podem se tornar um vício.O remédio?
 Uma trabalhosa dose de autoconhecimento, que disolva essa ilusória busca de alívio.
  Revista Bons Fluidos

Nenhum comentário:

Postar um comentário