terça-feira, 21 de setembro de 2010

MADREPÉROLA TAITIANA

 Há mais de 150 anos, embarcações provenientes da Austrália, Estados Unidos e Chile, iam ao Taiti em busca da fomosa ostra Pinctada Margaritífera, que até hoje dá fama ao arquipélago.Mas eles não iam atrás da pérola, mas sim de sua madrepérola.Isso porque a cor escura da madrepérola era muito apreciada, tanto na joalheria como pelas indústrias européias e asiáticas de botões e de móveis.A pesca era perigosa, pois os mergulhadores se arriscavam em águas abarrotadas de tubarões e sem suprimento de oxigênio.Além disso, era predatória, e acabou por diminuir drasticamente o nível de material natural.Mas, felismente, o desenvolvimento das fazendas de ostras permitiu que ela continuasse a ser encontrada em quantidade suficiente para atender às indústrias de joalheria e de objetos de arte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário